• (14) 3434-2525
  • superintendencia@hc.famema.br

Category ArchiveNoticias

HCFAMEMA faz treinamento voltado à prática do uso e gestão sustentável dos recursos materiais da Instituição

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Marília – HCFAMEMA promoveu nos dias 22 e 29 de julho um treinamento sobre controladoria interna e gerenciamento de estoques para gestores, gerentes e diretores de Departamentos, Gerências e Núcleos da Instituição. A proposta foi orientar e promover em cada setor do hospital a prática de otimização dos controles internos voltados a gestão eficiente e consciente dos recursos materiais e sustentabilidade do complexo HCFAMEMA.

A capacitação foi ministrada pela Diretora do Núcleo de Auditoria da Gerência de Gestão, Planejamento e Avaliação (GGPA) do HCFAMEMA, Dra. Caroline Marroni Cremonez. “Oferecemos ferramentas e conceitos para que se promova dentro da Instituição a prática do uso consciente e controle do uso dos materiais tanto nos  processos administrativos quanto assistenciais,  com o objetivo de viabilizar decisões acertadas, processos transparentes e excessos eliminados”, comentou ela.

Para a Diretora do GGPA, Darlene Zarbinati, o Núcleo de Auditoria é responsável por oferecer ferramentas que auxiliem os gestores para tomada de decisões baseados nas análises dos seus  procedimentos, bem como avaliar e corrigir controles internos falhos ou inexistentes. “Queremos fomentar uma cultura de respeito aos recursos do SUS e o uso eficiente dos mesmos, promovendo a conscientização e necessidade de uma gestão sustentável, evitando desperdícios e promovendo ainda mais economia de gastos”, concluiu.

Hemocentro informa que estoque muito baixo de sangue pode prejudicar tratamentos e cirurgias de pacientes

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Marília – HCFAMEMA, por meio do Departamento de Atenção à Saúde em Hemoterapia (DASHEMO), que coordena o Hemocentro de Marília, responsável por captar, analisar, armazenar, distribuir e dar assistência a pacientes hematológicos ou em procedimento cirúrgico, faz novo apelo à comunidade de toda a região para que se voluntariem como doadores de sangue nos próximos dias para ajudar a reverter os baixos estoques de hemocomponentes e hemoderivados necessários para atender a demanda de pacientes da região, que engloba 110 municípios. Dos oito tipos sanguíneos, apenas um está com estoque regular, o AB+ (+33,3%). Os outros estão abaixo da quantidade necessária, com alerta para B- (-83,3%), A- (-77,3%), A+ (-76,7%), O- (-68,75%), O+ (-65,4%), AB- (-50%) e B+ (-17,86%).

A assistente social do Hemocentro, Lucimara Aparecida Faustino Custódio, destaca diversos fatores que vem agravando a dificuldade em se captar doadores voluntários, principalmente os assíduos (que tornam o ato um hábito frequente). “A pandemia, as medidas para se evitar a aglomeração, o frio, as férias, a vacina, e a falta de hábito e compromisso cultural do brasileiro com a doação dificultam a conscientização sobre esse ato”, declarou.

Segundo ela, a doação de sangue é um ato voluntário que pode ajudar a salvar muitas vidas, destaca a assistente social. “Em cada doação, uma pessoa doa, no máximo, 450 ml de sangue e essa única doação pode salvar a vida de até quatro pessoas. Vale destacar que, em cerca de um dia, o organismo já repõe a quantidade de sangue que foi retirada na doação. Além disso, doar sangue é um ato seguro e todos os materiais usados no procedimento são descartáveis. Desse modo, não há riscos de você ser contaminado ao doar sangue”, explicou ela.

O Hemocentro atende das 7h às 13h de segunda a sábado com ou sem agendamento. Quem quiser agendar basta ligar (14) 3434-2541. Obrigatório o uso de máscara.

 

 

Veja a diferença entre o estoque mínimo necessário e o estoque existente com o percentual desta diferença:
Tipo       Estoque ideal   Estoque real      Diferença
A+          240                        56                           -76,7%
A-           48                           11                           -77,3%
B+          84                           69                           -17,86%
B-           06                           01                           -83,3%
AB+       24                           32                           +33,3%
AB-        06                           03                           -50%
O+          240                        83                           -65,4%
O-           48                           15                           -68,75%

 

Lucy Montoro recebe visita da secretária executiva da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência

O Centro de Reabilitação Lucy Montoro de Marília recebeu na manhã desta quarta-feira, dia 27 de julho, a visita da Secretária Executiva da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo, Aracélia Costa.

O encontro teve a participação dos Coordenadores Assistenciais do Centro, Alessandro José e Mirela Machado, da Superintendente do HCFAMEMA, Dra. Paloma Libanio, do Diretor Administrativo da Famar, Bruno Barbarotto Gusson, do Secretário Municipal de Direitos Humanos, Wilson Damasceno e seus Assessores, Eduardo Azevedo e Adilson Prates.

Ela esteve em Marília representando a Secretária Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Célia Leão, participando do lançamento do Programa de Desenvolvimento Paralímpico – PARADENS de Marília e aproveitou a oportunidade para conhecer a unidade do Lucy no município. O PARADENS é uma iniciativa do Governo do Estado de São Paulo que tem como objetivo fomentar o esporte paraolímpico de base. Para saber mais sobre o programa acesse www.paradens.com.br.

HCFAMEMA oferece complementação na assistência multiprofissional oferecida às mães e gestantes do CAPS AD

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Marília – HCFAMEMA, por meio do Centro de Atenção Psicossocial e Álcool e Drogas (CAPS AD) do Departamento de Atenção à Saúde Ambulatorial e Hospital Dia (DASAMB), inicia a partir desta quarta-feira, 28 de julho, atendimento multiprofissional para mães ou gestantes com dependência de álcool e drogas. A nova ação, denominada “CAPS AD Mamãe Girassol”, vai oferecer acompanhamento de saúde com orientações tanto biopsíquicas como sociais e, inclusive, de sustentabilidade. Um jardim de girassóis será plantado e cultivado no próprio centro como parte das atividades da assistência.

A Mamãe Girassol irá realizar atividades de esclarecimento sobre os malefícios do uso de álcool e outras drogas, utilizando a abordagem de terapia cognitiva comportamental. “Queremos fornecer uma atenção pré-natal e puerperal adequada a essa população vulnerável e de risco, para que possam ter uma assistência de qualidade e resolutiva durante todo o período materno”, explicou a coordenadora da ação, a assistente social, Angélica Veríssimo.

A ação ainda se integra ao Projeto HC VERDE, que vem implantando medidas, condutas e tecnologias sustentáveis dentro da instituição. No atendimento as pacientes vão cultivar um jardim de girassóis. “Durante o tratamento cada mãe receberá sementes de girassol, para que junto à equipe possamos plantar no jardim do CAPS AD, assim iniciamos uma vinculação e apoio nesse momento de ressignificar a mudança de vida”, explicou ela.

Segundo a Diretora do DASAMB, Cristina Toshie de Macedo Kuabara, o atendimento multiprofissional da ação envolve uma coordenação formada por assistente social (Angélica Veríssimo) e enfermeira (Patrinalva Sant’Anna), além de equipe da Residência Multiprofissional em Saúde Mental, formada por enfermeira (Vanessa Barbosa Tovani), psicóloga (Nubia Voss Reis), assistente social (Juliana Thais de Assis) e terapeuta ocupacional (Erica Monteiro de Freitas). A ação ainda conta com a parceria Ambulatório de Ginecologia e Obstetrícia.

Os atendimentos ocorrerão às quartas e quintas-feiras, às 13h30, no CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL CAPS AD GIRASSOL, localizado na Rua Joaquim de Abreu Sampaio Vidal n° 319, Marília (SP). Mais informações pelo telefone (14) 3434-2549.

HCFAMEMA oferece programa de desenvolvimento gerencial para gestores

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Marília – HCFAMEMA está promovendo neste ano um programa de desenvolvimento gerencial sobre a gestão da qualidade e de processos.

São dois períodos de capacitação, realizados em dois dias para melhor aproveitamento, e está sendo destinado aos diretores (DT I, II e III), assessores e chefias dos Departamentos. O treinamento começou em junho com agendamento das aulas até agosto.

É detalhado o conceito de gestão da qualidade em saúde e qual o papel do Núcleo de Gestão de Processos e Qualidade no hospital. Também é abordada a gestão, conceito, priorização e mapeamento dos processos.

No segundo momento são demonstradas algumas ferramentas de gestão para uso no gerenciamento de um modo geral. São apresentados modelos e formas de aplicação para auxiliar os gestores nas tomadas de decisões junto à equipe.

Segundo a responsável pela Gerência de Gestão, Planejamento e Avaliação (GGPA) do HCFAMEMA, Darlene Zarbinati, o objetivo é dar subsídios aos gestores para aplicar em sua gestão ferramentas adequadas para cada tipo de situação. “Contamos também com a participação de alguns enfermeiros da assistência, que utilizam os conceitos na gestão da sua equipe, consequentemente, nas áreas em que atuam”, declarou.

Tele Visita

Televisita do HCFAMEMA completa um ano com 454 ocorrências para 248 pacientes internados

O serviço de Televisita oferecido pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Marília – HCFAMEMA completou um ano de funcionamento no mês de junho, contabilizando neste período um total de 454 ocorrências de chamada telefônica de vídeo para que 248 pacientes internados com COVID-19 pudessem visualizar e conversar com seus familiares. A ferramenta de comunicação à distância com pacientes por meio do celular e de um aplicativo foi criada em tempo recorde para que pudesse suprir a impossibilidade da visita física a estes pacientes, suspensa para se evitar aglomeração ou risco de contágio.

A maioria das chamadas de vídeo ocorreu de forma coletiva por familiares, 233 delas, com vários entes familiares de uma só vez. A maior delas envolveu 10 membros da família. De forma isolada, a procura pelo serviço foi na maioria das vezes por filhos (36 ocorrências), esposa (10), neto (8) e irmão (6). Houve até uma televisita de paciente com seu cachorro de estimação. Por familiares o sistema classificou a participação de cônjuges, filhos, netos, pais, genros, noras, sogros e sogras, em alguns casos até amigos da família.

“Eu gostaria de agradecer à toda equipe de psicologia do HC, equipe médica, a equipe de enfermagem, os auxiliares, todos pelo carinho pela Roseli, todos torcendo pela recuperação dela, então eu só tenho a agradecer, a gente poder ter essa televisita, eu só tenho a agradecer muito, é muito importante para nós. A Roseli por ser uma pessoa especial, portadora da Síndrome de Down, tem um apego muito grande com a gente, nunca ficou longe de casa. E pela televisita ela pôde sentir um pouquinho do nosso carinho, pôde ouvir a gente, e também ajuda no tratamento dela, porque quando a gente fez a televisita, sentiu que ela teve uma melhora muito grande, então isso é muito importante pra nós, a recuperação dela, e isso também se dá através da televisita.”, declarou Rosane Rodrigues Pereira, irmã de Roseli, primeira paciente internada na UTI COVID-19 a receber a Televisita.

“Eu acredito que a Televisita foi a melhor coisa que poderiam ter oferecido para nós familiares de pacientes em recuperação da COVID-19, porque consegui ver minha filha, mesmo que naquela situação, e deus me deu forças. Eu dou Glória a Deus por isso, por nos dar oportunidade de visitar nosso ente querido no hospital, mesmo que à distância”, disse Denise Sueli de Souza, mãe da paciente Gabriela Sueli.

“Infelizmente meu pai não conseguiu, nós já aceitamos os desígnios de Deus. Mas quando internado, foi uma surpresa muito grande saber que vocês ofereciam esse serviço de televisita, que pode trazer um pouco de alivio nas vidas dos familiares de pacientes. Quero que todos vocês saibam que estão em minhas orações, para que vocês sejam guardados e protegidos pelo senhor Jesus. Muito obrigada, parabéns!”, disse Ilse, filha do paciente Wilson.

A Televisita é coordenada pelo diretor técnico André Vinicius Marcondes Natel Sales, da Gerência Multiprofissional da Chefia de Gabinete do HCFAMEMA. O serviço envolve diversos profissionais, desde recepção, internação e acolhimento. Em 2020 vários profissionais e residentes multiprofissionais participaram da ação e em 2021 o trabalho ficou sob a responsabilidade do Núcleo de Psicologia da Gerência Multiprofissional.

A Psicóloga, especialista em Psicologia hospitalar, Jéssica Mantoani, uma das integrantes do Núcleo de Psicologia Hospitalar do HCI destaca a importância da Televisita e do cuidado psicológico no tratamento ao paciente.

“Cabe ao psicólogo, mediar e facilitar a comunicação que existe entre o ente internado, seus familiares e a equipe e a Televisita é mais uma ferramenta para essa intervenção, que é a de atuar de forma esclarecedora sobre aquilo que se vê, sobre aquilo que não se vê, aquilo que se imagina e aquilo que não se sabe sobre o processo de adoecimento, promovendo assim o enfrentamento, para amenizar as experiências negativas, e promover a ressignificação da dor do paciente” declarou Jéssica.

Para realizar uma televisiva basta fazer contato com a equipe de Psicologia Hospitalar através do telefone 3434-2525, ramal 1736, e agendar um horário com a equipe. É realizada uma breve  Avaliação Psicológica para verificar as condições emocionais dos familiares e do paciente, para que a visita possibilite bons recursos durante o processo de enfrentamento da hospitalização.

Câncer de cabeça e pescoço é tema do Programa +Saúde do HCFAMEMA

Neste mês de Julho, ocorre a campanha nacional Julho Verde, de prevenção do câncer de cabeça e pescoço. O objetivo é conscientizar a população sobre a importância do autocuidado e da atenção aos primeiros sintomas da doença para diagnóstico precoce.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), o Brasil registra cerca de 40 mil novos casos de câncer de cabeça e pescoço por ano. Essa denominação caracteriza tumores que se originam em regiões das vias aéreo-digestivas, como boca, língua, gengivas, bochechas, amígdalas, faringe, laringe e seios paranasais.

Assista a mais um vídeo do programa +Saúde do HCFAMEMA com os esclarecimentos do Prof. Dr. Silvio Antônio Bertachi Uvo, médico Especialista em Cirurgia de Cabeça e Pescoço do HCFAMEMA e Docente da Famema , sobre os sinais, sintomas e informações sobre a doença.

 

 

 

HCFAMEMA promove uma homenagem aos seus colaboradores para a Festa Julina 2021

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Marília – HCFAMEMA celebrou de forma diferente a promoção da festividade popular deste período junto aos seus colaboradores. A Festa Julina do HCFAMEMA deste ano, não teve evento marcado, mas sim uma distribuição de “prendas” arrecadadas para os quase três mil funcionários da Instituição. A entrega, em mãos, pela Superintendência e Diretorias Técnicas de cada departamento, ocorreu na terça-feira, dia 20 de julho, e o registro fotográfico destes rápidos momentos, foi a homenagem simbólica encontrada para que os colaboradores se sentissem acolhidos e reconhecidos por toda dedicação e empenho no cuidado com os pacientes e  enfrentamentos dos atuais desafios vivenciado na saúde pública.

Para a Superintendente do HCFAMEMA, Dra. Paloma Libanio, o enfrentamento da pandemia está chegando a um momento de arrefecimento, com nova tendência de queda na transmissão e principalmente dos casos graves, com aumento contínuo da vacinação. “Mas ainda não podemos nos descuidar, principalmente com aglomerações desnecessárias. No ano passado cancelamos a tradicional celebração das festas populares, mas este ano resolvemos inovar para não passar em branco este importante período de confraternização, que é o de festas juninas e julinas. Foi um ato singelo, mas que procurou resgatar o espírito e a cultura popular para fortalecermos os laços de amizade, companheirismo e celebração típicos desta festa”, explicou a gestora da autarquia estadual de saúde.

A ação foi organizada pela Comissão de Humanização, presidida pela diretora Fernanda Isaura Sanches, com o apoio de empresas e instituições parceiras, que doaram doces e salgados para a montagem de kits de guloseimas como “prendas” julinas para os funcionários. Também foi estimulado entre os colaboradores que decorassem os setores de trabalho com o tema, criando um “clima” festivo entre todos os funcionários. O ato se transformou em um grande álbum de fotografia para que todos possam se ver e ser visto, compartilhando com os amigos esta celebração. Confira abaixo as fotos dessa singela ação:

 

HCFAMEMA agradece às doações de Jonathan Nemer, da Klínica da Alegria e de duas colaboradoras do próprio hospital

A Superintendência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Marília – HCFAMEMA informa que a corrente solidária da comunidade intensificada pelo sofrimento com a pandemia da Covid-19 vem contribuindo diretamente com a melhoria do atendimento ao paciente. A ajuda voluntária, individual, coletiva, informal ou feita por empresas, instituições e até órgãos do Estado, estão fazendo a diferença neste enfrentamento do novo coronavírus. As doações contínuas e frequentes estão criando um novo comportamento social, de engajamento e protagonismo assistencial da comunidade para com os sistemas de saúde.

As iniciativas solidárias com doações aumentaram com a pandemia e se diversificaram, ajudando tanto com alimentos ou prestações de serviço, tanto com insumos hospitalares ou mobiliários em geral. Houve até doação de veículo (UTI Móvel), de recursos financeiros e até equipamentos caros, como os ventiladores pulmonares de UTI.

Nas últimas semanas ocorreram três entregas de doações, cada uma com uma história de promoção e incentivo à solidariedade de toda a comunidade. Na semana passada a Klínica da Alegria fez sua contribuição, coletando doações de insumos para entregar ao hospital. O humorista Jonathan Nemer também voltou a ajudar, trazendo desta vez produtos de higiene bucal.

Outra iniciativa ocorrida recentemente foi a campanha de doação de produtos de higiene pessoal para os pacientes organizada por duas enfermeiras do HCFAMEMA. Rosimeire Santos e Francine Viana realizaram por conta própria uma campanha relâmpago no Instagram, arrecadando em 15 dias diversos produtos doados entre seus amigos na rede social.

“O ser humano é solidário por natureza, por essência, talvez por necessidade, mas é na dor, nos momentos mais difíceis, nas situações mais perigosas, que este sentimento ou até instinto floresce com mais intensidade e vigor. Esta pandemia só nos trouxe tristeza, mas também relevou o quanto somos fortes, unidos e o quanto podemos ajudar ao próximo sem querer nada em troca. Revelou a todos o quanto o nosso SUS é valente e eficiente, e o quanto nossa comunidade é participativa, engajada e atuante. Nós do HCFAMEMA só temos que agradecer e nos honrar com tamanha dedicação e demonstração de fé e confiança em nosso trabalho. Em nome de todos os nossos colaboradores o nosso muito obrigado a todos os voluntários que estão ajudando a salvar vidas junto conosco nesta pandemia”, declarou a Superintendente do HCFAMEMA, Dra. Paloma Libanio.

Vinícius Camarinha destina R$ 200 mil reais para o Centro de Apoio ao Colaborador do HCFAMEMA

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Marília – HCFAMEMA recebeu a visita do Deputado Estadual Vinícius Camarinha (PSB) na manhã de sábado de 17 de julho para receber em mãos um Ofício Especial de Emenda Parlamentar. O documento comunicou formalmente a autorização do Governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), para que a Secretaria Estadual de Saúde libere o recurso destinado por iniciativa do deputado, de R$ 200 mil, para investimentos na instalação do Centro de Apoio ao Colaborador (CAC).

O Centro de Apoio ao Colaborador (CAC) é um projeto de ampliação do cuidado para com os funcionários, que entre colaboradores da FUMES, da FAMAR e da autarquia HCFAMEMA já chegam a quase três mil profissionais. “A proposta é ampliarmos e melhorarmos os diversos serviços do HCFAMEMA que são direcionados aos colaboradores, unificando e aproximando setores e gerências e também criando um espaço físico amplo para atendê-los”, explica a Superintendente do HCFAMEMA, Dra. Paloma Libanio.

O Deputado Vinícius Camarinha é um dos principais agentes públicos parceiros do hospital, desde o início de sua vida pública. Atualmente, como líder do Governo na Assembleia, vem conquistando e contribuindo para aproximar e ampliar o diálogo entre a Autarquia e o Governo do Estado. “Utilizo a maioria do recurso das emendas parlamentares com a saúde e o social, mas tenho um apreço especial ao HCFAMEMA e principalmente aos colaboradores, pois são eles que fazem esse hospital ser o que é. Com muito orgulho que vim pessoalmente comunicar que foi liberado os R$ 200 mil para ajudar em mais esta conquista para os trabalhadores deste importante hospital”, ressaltou ele.

O CAC irá unificar setores como o Serviço de Apoio à Saúde do Colaborador (SASC) e a Gerência do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (GESMT) do HCFAMEMA. “A proposta é facilitar para o colaborador em um único espaço uma série de serviços para o benefício deles, tanto em questões de saúde, como em segurança ou orientação funcional”, declarou a diretora técnica do SASC, Valkíria Gomes Lima da Rocha.